Venham comunicar comigo

Este blog tem o objectivo de me manter actualizada ao mundo…

Trabalho jornalístico candidato a um prémio …

Ora bem tudo começou com uma pesquisa minha  no Google sobre prémios de jornalismo para o ano 2010. Descobri que estavam a decorrer candidaturas ao 2º prémio de jornalismo na área da súde mental, decidi arriscar a concorrer não só pelo prémio mas também para fazer um trabalho mais elaborado nessa àrea uma vez que nunca o tinha feito.

Então fiz um trabalho sobre Esquizofrenia nos Açores, onde entrevistei dois doentes esquizofrénicos e um psiquiatra todos da Casa de Saúde de São Miguel.

O resultado é este que podem ouvir aqui e agora 😉

Agradeço críticas e elogios!

Obriagado

Até breve

Anúncios

Citações que me fazem refletir bastante ….

Bem vou deixar-vos algumas das citações que mais me marcaram até então.

São citações retiradas de dois livros, um do P.S. – Eu amo-te de Cecelia Ahern e outro do Princepezinho de Antonie de Saint- Exupéry.

“Encontrar alguém que amamos e que nos retribui esse amor é um sentimento muito, mas mesmo muito maravilhoso. Mas encontrar a verdadeira alma gémea é um sentimento ainda melhor. Uma alma gémea é alguém que nos compreende como mais ninguém, que nos ama como mais ninguém, que está ali para os apoiar para sempre, quaisquer que sejam as circunstâncias.” by Cecelia Ahern (P.S. – Eu amo-te)

“Não tenhas medo  de te apaixonar outra vez. Abre o teu coração e segue para ode ele te levar … e lembra-te, pede à Lua” by Cecelia Ahern (P.S. – Eu amo-te)

By Antonie de Saint- Exupéry (Princepezinho):

“É muito mais difícil julgarmo-nos a nós próprios do que aos outros. Se conseguires julgar-te bem a ti próprio és um autêntico sábio.”

“As pessoas crescidas são muitíssimo esquisitas”

“Para os vaidosos , todos os outros homens são admiradores”

“Os vaidosos só ouvem os elogios”

“A linguagem é uma fonte de mal entendidos”

“Secalhar as estrelas só têm luz para cada um de nós encontrar a sua”

“Só se vê bem com o coração … o essencial é invisível para os olhos”

“Os homens deixaram de ter tempo para conhecer o que quer que seja. Compram as coisas já feitas ao vendedores. Mas como não há vendedores de amigos, os homens deixaram de ter amigos. Se queres um amigo, cativa-o”

“Quando nos deixamos cativar é certo e sabido que algum dia alguma coisa nos há-de fazer chorar”

Até breve,

DIANA PIMENTEL

 

Casamento entre homossexuais legalizado em Portugal

Estou deveras contente com esta nova legislação que foi promulgada ontem (17 de maio de 2010) pelo presidente da República ( Aníbal Cavaco Silva)e que prevê o casamento entre pessoas do mesmo sexo.

 Já era sem tempo que o nosso país que já é pequenino fisicamente deixasse de o ser mentalmente. Chegou ao fim a discriminação, creio eu… a partir de agora também a maioria dos deputados da assembleia da república poderão casar-se!

Vamos deixar de ter mentalidade pequena, há que pensar que se existem pessoas dos mesmo sexo que gostam umas das outras e que são felizes juntas o que isso nos importa? 

 A  felicidade não é eterna logo por isso há que viver os momentos de felicidade que nos são impostos pela vida…. homossexuais aproveitem e sejam felizes também no vosso próprio país!

Trabalhos jornalísticos

Caros leitores do meu Blog …

como já devem ter percebido eu licenciei-me em Ciências da Comunicação pela Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro( UTAD) e actualmente encontro-me  a fazer um estágio profissional na Rádio Atlântida, em Ponta Delgada, Ilha de São Miguel (Açores).

Quero partilhar com vocês alguns dos meus trabalhos realizados até então. Todos estes trabalhos que se encontram em MP3 foram da minha autoria, ou seja, eu lancei a ideia junto da redacção de que gostaria de abordar determinados temas e foi-me dada toda a liberdade para o fazer.

Seguem- se por isso as minhas peças jornalísticas, onde podem ouvir a minha voz e todo o trabalho que realizo e que culmina nisto;)

A primeira peça que fiz foi sobre o casamento entre homossexuais, a segunda sobre a criopreservação de células estaminais, a terceira sobre o cancro do colo do útero , a quarta sobre reciclagem em São Miguel, a quinta sobre Racismo e Xenofobia, a sexta sobre Genéricos, a sexta sobre o Dia Mundial do Consumidor.

Depois da realização destas peças deram-me o cargo na Rádio de  fazer a cobertura das efemérides nacionais e internacionais, seguem os linkes para que possam ver e ouvir esses trabalhos: Dia do Pai, Dia Mundial do Sono, Dia do Estudante, Dia Nacional do Dador de Sangue, Dia Mundial do Escutismo, Dia do Trabalhador, Dia Mundial da Dança, Dia da Mãe, Dia da Europa, Dia Internacional do Enfermeiro, Dia Internacional das Famílias, Dia Europeu dos Parques Naturais, Dia da Marinha, Dia Europeu do Mar, Dia do Autor Português, Dia Nacional do Vizinho, Dia Nacional da Energia, Dia Nacional dos Bombeiros, Dia Mundial do Não Fumador, Dia Mundial da Criança, Dia Mundial da Criança Africana, Dia da PSP, Semana do Aleitamento Materno, Dia Internacional da Juventude.

Tenho realizado outros trabalhos mais elaborados, tipo grandes reportagens radiofónicas entre elas encontram-se a da T.I.A.T.A.C.A.A., a da Acupunctura, a do mês do Coração, a das bonecas de pano da novela da TVI, a da raça do Cão de Fila de São Miguel e ainda uma sobre o Neurofeedback.

Espero que gostem e acima de tudo agradeço que deixem a vossa opinião!

Grata por tudo,

até breve 😉

Diana Pimentel

A minha pessoa …

Foi em 1985, no mês de Novembro, no dia 12 que a minha mãe deu entrada no Hospital de Vila Nova de Famalicão onde eu nasci às 18h30.

Desde então comecei a traçar o caminho da minha vida …. Fui sempre uma miúda acessível, bastante comunicativa, que brincava com todos os miúdos, que ajuda todo e qualquer ser vivo, que adorava animais principalmente cães!

Quando comecei a dar os primeiros passos na escola primária, simultaneamente, comecei a apreender a nadar… um dos meus hobbies predilectos até aos dias de hoje.

Após a conclusão da escolaridade primária, ingressei no ensino preparatório onde comecei a demonstrar os meus pontos fracos relativamente à Matemática.

Quando fui para o liceu, tive algumas crises existenciais, principalmente em relação ao que queria seguir para o meu futuro… optando por entrar na via das ciências… uma opção que me saiu cara, uma vez que eu não tinha, nem tenho qualquer vocação para os números. E fui obrigada a frequentar o ensino recorrente para conseguir me livrar da matemática e entrar na Universidade.

Foi no ano 2006 que entrei na Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, com a certeza que queria ser Jornalista. Posso afirmar com certeza, que os 3 melhores anos da minha vida foram passados em Vila Real. Foi aí que criei boas e verdadeiras amizades, foi aí que aprendi a dar valor às pessoas que gosto, foi aí que aprendi a saber partilhar, aprendi o que é viver sozinha, aprendi o verdadeiro sentido da palavra amizade, aprendi inúmeras coisas… que me serão bastante úteis para o resto da vida.

Agora, em pleno ano 2010, aqui estou eu no meu Blogue a escrever sobre a minha pessoa para que vocês saibam um pouco mais sobre mim.

Actualmente, encontro-me nos Açores, mais propriamente na Ilha de S. Miguel na cidade de Ponta Delgada, a fazer um estágio profissional numa rádio bastante conceituadíssima cá (Rádio Atlântida) pelo período de um ano. Estou a gostar bastante, é tudo tão diferente do que eu estava habituava, começando nas pessoas, no sotaque, na gastronomia e acabando na paisagem.

Agora vou fazer uns tópicos acerca do que eu gosto e do que menos gosto:

Gosto

  • Chocolates
  • Cães
  • Pessoas
  • Música Portuguesa
  • Teatro
  • Dormir
  • Filmes Portugueses
  • Rosas
  • Batatas fritas
  • Gelados
  • Malas
  • Ténis
  • Internet
  • Bijutarias
  • Mar / Sol / Lua
  • Cuba
  • Che Guevara
  • Frio

 

Não Gosto

  • Cunhas
  • Hipocrisias
  • Guerra
  • Poluição
  • EUA
  • Sócrates (1º Ministro Português)
  • Calor
  • Peixe
  • Vegetais
  • Páscoa
  • Falsidade

Agora que já vos deixei algumas dicas sobre mim, descubram-me 🙂

Finalmente eis o final da minha licenciatura…

 

Decorria o ano de 2006, em pleno mês de Setembro quando eu tive a notícia de que ingressei  na Universidade de Tras-os-Montes e Alto Douro no curso de Teatro e Artes Performativas (TAP),  mas não era essa a licenciatura que eu pretendia tirar. A minha vocação sempre foi Português (escrita e leitura) e daí  que no meu 12º ano apesar de me encontrar na área de Cientifico- natural,agrupamento 1, decidi que queria ser jornalista. E por isso, e como sou persistente em tudo que faço, estando no Curso de TAP tentei na 3 ª fase a candidatura ao curso de ciências da Comunicação, onde acabei por ser colocada.

Estes três anos da minha estadia em Vila Real  fizeram com que eu me  tornasse mais independente, mais desenrascada e mais autónoma, passando a dar mais valor ás coisas simples da vida. Durante este tempo vivi na residência universitária Alem Rio, no Bloco B( bloco da caixa multibanco e das maquinas de comida e de café ) no 2º andar. O meu quarto era o B2.49 a minha companheira de quarto no 1º ano foi a madrinha de praxe Baby Mary que me deixou de herança 🙂 o apelido de  Baby Di (o que me fez apelidar as minhas afilhadas de Baby Sofi e Baby Sara). Após o primeiro ano de estadia nesse quarto, a minha madrinha acabou  a sua licenciatura em TAP e então tive durante os restantes dois anos com a Lili, uma companheira espectacular que me deixará eternamente muitas saudades pelos bons momentos que passamos juntas  🙂

Nestas residências fiz boas amizades entre as quais se destacam a Maria, a Isaura sem querendo deixar ninguém de fora pois todas as pessoas me marcaram de uma maneira ou de outra. Mas além destas amizades fiz irmãs para o resto da vida, daqui destaco as minhas afilhadas das residências Ana e Ines, a minha afilhada de praxe(Baby Sofi) Sofia e a sua colega de quarto e enfermeira Claudia.

Falando um pouco agora acerca do curso que tirei: foi bom em certos aspectos como o da aprendizagem, pois aprendi tudo o que queria aprender desde ter uma redacção mais cuidada, ter boa oratória, fazer radio,televisão,peças jornalísticas, entre muitas outras coisas, mas foi mau em outros aspectos como a desorganização dentro do próprio curso, a constante instabilidade entre os colegas, a disputa entre os mesmos, não esquecendo a altura das praxes em que éramos  cerca de 100 doutores  a tentar mandar  em simultâneo em apenas 70 caloiros 🙂 Mas tudo isto está superado, foi bom enquanto durou uma vez que fiz muitas amizades que certamente serão para o resto da vida. Por falar em amizades para o resto da vida vou passar a descrever os nomes das pessoas que mais me marcaram ao longo deste tempo em que fui transmontana: Cris (Partener Forever), Aninha (amigalhaça), Olinda(companheira de estudo e amigalhaça), Claudia (amigalhaça), Paula , Joao (meu companheiro de viagem aos domingos na “carripana” da rede expressos), VizelaHugo (Grande carinho que tenho por ti, tu sabes), Nestum… entre muitas outras pessoas.

O texto já vai longo e não me posso estender mais, pois senão ninguém lê este post 🙂

Saudade é a única palavra que consigo exprimir de momento.

 Hoje e para sempre direi “Vila Real, obrigado por me teres acolhido “.

Diana Pimentel

Akademia Rádio um programa meu e de Cristiana Machado

durante o meu primeiro semestre tive de desenvolver um programa de radio para a unidade curricular de atelier de jornalismo, decidi faze-lo com a minha “partener” Cristiana Machado.
Assim sendo todas a semanas seleccionavam material das outras universidade portuguesas através da internet, e fazíamos noticias através desta informação para o nosso programa semanal intitulado Akademia radio- um programa semanal que aborda toda a informação do mundo universitário “. O nosso programa era gravado todas as semanas ás quartas-feiras á tarde nos estúdios da Radio Universidade e era transmitido para o público as quintas-feiras pelas 19 horas.
deixo aqui todos os programas em anexo para que possam ouvir e deixar algumas criticas.

Programa 1

Programa 2

Programa 3

Programa 4

programa 5

Programa 6

Programa 7

Programa 8

Programa 9

Programa 10

Program 11

Programa 12

Programa 13

Programa 14
beijinhos